Blog

10 jul

Beleza e imperfeição: a Casa Cor Paraná 2017 confirma esta tendência

by Babi Stainsack

Há beleza na imperfeição: Casa Cor Paraná 2017

Visitamos a Casa Cor Paraná 2017 e confirmamos nosso ponto de vista.

Recentemente temos visto muitas evidências de que finalmente estamos aprendendo a enxergar beleza na imperfeição. Está cada vez mais comum presenciarmos o resgate de objetos antigos para compor ambientes modernos, criando um clima de valorização de nossos antepassados e de nossa história.

Casa Cor Paraná - Beleza e Imperfeição - Objetos antigos

Uso de livros antigos compondo com banqueta em acrílico transparente, no ambiente da Casa Cor PR 2017 do escritório Maganhoto & Casagrande Arquitetura.

 

Enxergar a beleza da imperfeição também traz, além do resgate de memórias, uma sensação de alívio quando algo que projetamos não sai exatamente da forma como esperávamos. Isso se aplica tanto a nossos ambientes como em outras áreas da vida.

Nós da Mel e Limonada acreditamos que essa é uma forte tendência e a abraçamos, pois entendemos que aceitar a imperfeição das coisas e acontecimentos é uma questão de desenvolvimento de maturidade. Além de crescimento, esta aceitação também pode trazer mais leveza ao se manter um ambiente, flexibilizando o conceito de beleza e trazendo conforto diante da percepção das coisas como elas são.

Mais uma prova desta tendência está nos novos e diversos materiais que os principais players do mercado de decoração e interiores têm disponibilizado ao público em geral nos últimos tempos. Materiais estes que reproduzem: desgastes naturais, madeira de demolição, pisos e pedras gastas pelo uso.

 

Casa Cor Paraná - Beleza e Imperfeição

Piso em porcelanato com reprodução de manchas de ferrugem e desgaste.

Não somente materiais novos com cara de usados ou antigos estão em alta, mas o próprio reaproveitamento de pisos e revestimentos pré-existentes são cada vez mais vistos nos ambientes e muito admirados.

Veja esse exemplo também da Casa Cor Paraná 2017, com o uso de um piso de taco antigo já pré-existente. A madeira não foi lixada para retirar os riscos e desgastes, bem pelo contrário, estas imperfeições foram incluídas no conceito do ambiente.

Casa Cor Paraná - Beleza e ImperfeiçãoCasa Cor Paraná - Beleza e Imperfeição - Mel e Limonada

Os brinquedos de pelúcia com a estética dos ursinhos de antigamente também estão em alta, quem fala mais sobre o quarto do bebê na Casa Cor 2017 uso dessas peças na decoração de ambientes infantis é o Blog da Mascarello Kids.

 

Outra questão bastante perceptível na edição 2017 da Casa Cor Paraná, é a utilização da cor cinza muito vastamente. O uso dessa cor para nós significa novamente a aceitação das coisas como elas são, afinal de contas o cinza está no caminho do meio: entre o preto e o branco, entre o céu ensolarado e o céu chuvoso, entre a ausência de cor e nuances coloridas. Quem aborda este tema com maior profundidade é a Arquiteta Janaina Bohlke, confira o artigo que está imperdível, no blog da Transforme Express.

O uso de materiais alternativos e mais baratos também é uma consequência dessa forte tendência. Identificamos isso na aplicação da cortiça em diferentes móveis e objetos.

Casa Cor Paraná - Beleza e Imperfeição

Uso da cortiça: Imagem do post do Blog Dica da Tere, que também esteve nesta edição da Casa Cor e nos dá várias dicas de harmonia e organização da decoração com base na teoria da Tríade.

 

Se você gostou dessas ideias de reaproveitamento, apreciação da beleza da imperfeição, resgate da história através dos materiais e artigos de decoração, visite a Casa Cor Paraná 2017. Corra e aproveite pois esta é a última semana da edição!

Ainda temos mais uma dica sobre esse tema: existe um novo portal online para compra, venda, troca e doação de artigos de decoração usados em bom estado, este portal é a Katt Decor. Entre e aproveite para pesquisar e comprar móveis e decorações. Sua interação acontece diretamente com o vendedor e assim você participa da economia colaborativa.

 

“A ciência vem dizendo que o mel e o limão têm poder de cura, nós acreditamos que a sua casa também. A casa dos sonhos não precisa ser luxuosa, nem seguir padrões tão rigorosos de decoração. A casa dos sonhos é aquela que traduz, com flexibilidade, a personalidade e os desejos de quem nela vive, que promove o aconchego e estimula a alegria. A casa de verdade é aquela que está como pano de fundo no momento em que sonhamos, seja dormindo ou acordado. E você, também quer um ambiente doce como o mel? E se tivermos um limão, será que sai uma limonada na sua casa?”

 

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
Mel e Limonada

Entre em Contato

41 99275-9898

melelimonada

Curitiba / PR

digaoi@melelimonada.com.br